Unidade Africana – Ideologias das Independências Africanas

O post de hoje trata-se de um fichamento acerca do capítulo quatro do livro Ideologias das Independências Africanas, de Yves Benot, vol. 1, p. 195-217. Neste fichamento, procuramos resumir as principais ideias e impressões de Yves Benot acerca da unidade africana nas lutas e processos de independência.

Na primeira parte deste capítulo, o autor se propõe a apontar a gênese da noção de unidade africana, assim, ele acredita que ela tenha sido introduzida ou sugerida pelo pan-africanismo a partir de 1919.

Além disso, o autor faz uma análise do pan-africanismo, dos congressos e dos principais autores pan-africanos, criticando seu caráter cultural – o que para ele acaba por afastá-lo da realidade política -, sem, contudo, reconhecer sua importante contribuição para África, principalmente no que tange à sua libertação.

Para acessar o fichamento completo, basta clicar no link:
fichamento – cap. 4 – Ideologias das Independências Africanas

Coletivo Negro Patrice Lumumba 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s